segunda-feira, 29 de março de 2010

Compras da China

A alguns anos, conheci o site Reclame Aqui quando tive alguns problemas com um prestador de serviço da empresa em que trabalhava. Desde então, realizei meu cadastro e sempre que tenho algum tipo de problema com alguma empresa, seja de comércio ou prestação de serviço, entro no site e falo tudo.
O legal, é que a gente pode ver quais são as empresas que levam em conta a opinião do consumidor e que ao menos, depois dos problemas, se dão o trabalho de responder.
No site você pode consultar o ranking das melhores, piores, as que mais respondem e outras coisitas mais.
Algumas ignoram totalmente, mas dá pra saber, por exemplo, quando uma empresa está agindo descaradamente, lesando o consumidor.
Caso esse, é o que ocorre com as "comprinhas da China". Muitos sites que vendem as mercadorias chineses andam lesando os consumidores e deixando de passar informações claras sobre os processos de importação.
Veja reportagem na integra no site.
Na semana passada, já havia muitas reclamações sobre algumas empresas. Hoje, resolveram dedicar uma nota sobre o assunto. Abaixo, segue o ranking.
Então, se você já teve problemas com alguma empresa ou serviço. Vai lá no site do Reclame aqui e registre a  sua reclamação. Deixe aqui também, um recadinho das empresas que você já se decepcionou.

2 comentários:

  1. Olá! Sou Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com e estou indo de blog em blog para conhecer mundos.
    Num desses passeios encontrei os blogs femininos e achei interessante a grande quantidade de seguidores e o trabalho muito profissional destes blogs.
    Pensei: _Será que moças vaidosas curtem literatura?! Afinal muitas são blogueiras e quase todas são dadas a leitura...
    Decidi então entrar em contato com as seguidoras, seguidas, e contatos, a fim de descobrir se meu blog de contos é capaz de agradar essas moças vaidosas e tal.
    Agradeço a atenção e quero a sua opinião. Abraço!

    ResponderExcluir
  2. Compras da china, é a imagem mais nítida da invasão dos chineses sem compromisso com o pais, desconsiderando leis e o próprio respeito com a intituição "EMPRESA" do pais

    ResponderExcluir